Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2015

50 TONS DE LORENO

Vem cá meu Loreno Tímido, medroso Por que está correndo?
Vem cá meu Loreno Braço forte, Costas largas Meu belo moreno Formas, curvas Quase me enlouquecendo
Vem cá meu Loreno Carinho, carícias Em mim derretendo Besteiras, bobagens Contigo dizendo Voz grave, voz grossa Ao pé do ouvido gemendo
Vem cá meu Loreno Pele, perfume
Os hormônios fervendo
Boca, saliva Meus lábios mordendo Molhado, melado Em mim escorrendo Pêlos, suor E os corpos mexendo Desnudo, viril Um pecado ardendo Carne, alma Em um só transcendendo