Pular para o conteúdo principal

A DERROCADA DO AMOR VERDADEIRO



Ele é ator e escritor. Ela também atua e é musicista. Ambos muito talentosos. Lindos - especialmente no aspecto humano -, inteligentes, jovens, educados e bem educados. Um casal perfeito!

Ela "falava coisas sobre o Planalto Central" e "gostava de Van Gogh, dos Mutantes, de Caetano"...ele também! Ela falava coisas sobre os roteiros de teatro e gostava de literatura, cinema, poesia...ele também!

Só que diferentemente da canção da Legião Urbana, os gêmeos não vieram.

clarice e gregorio acabou


Se o amor acaba para Gregório Duvivier e Clarice Falcão, quem dirá para nós humanos "normais" que diariamente pegamos ônibus lotados, enfrentamos filas de banco, reviramos as cebolas e frutas no supermercado e disputamos a melhor vaga do estacionamento à tapas.

Com o fim de "Gregório & Clarice" não só o amor perde, mas também todos nós juntos: um casal inspirado torna-se o berço de criações artísticas sem limites ( Fernanda e John, Pato Fu, são prova disso ), pois essa flama é um transbordar que flerta com o infinito.

Será que esse ardor entre um casal é apenas algo químico, ou seja, já vem com prazo de validade? Seria culpa de nós homens, machos, animais, predadores-dominantes que não podemos ver um "rabo de sai" pela frente? Seria vocês mulheres que querem SEMPRE ter a razão? Eu apostaria na rotina. Maldita rotina!

Mas eles se davam tão bem.

A verdade é que mais uma vez fomos enganados pelo cinema Hollywoodiano. Um dos últimos recantos do amor acaba de se ruir diante de nossos olhos. Mas e aquela conversinha de que "Amor é fogo que arde sem se ver; é ferida que dói e não se sente..."? Camões, seu canalha, suma com o seu blá-blá-blá de minha frente, por favor, pois hoje estou de mal com o amor.

Que eu seja levado dessa vida antes da derrocada final desse sentimento tão puro e verdadeiro. Não quero estar aqui para ver, vivenciar e sentir novamente esse gosto tão amargo. O locutor do estádio vos pede um minuto de silêncio...

O amor está de luto.




( Cleydson Ramones )


                                                                                                     
                                                                                                             


Postagens mais visitadas deste blog

CARTA ABERTA A ZENALDO

Belém, 27 de novembro de 2016.
Caro Prefeito,

Nada! Nada! Nada! Nada! Nada! Nada!
Nada! Nada! Nada! Nada! Nada! Nada!
Nada! Nada! Nada! Nada! Nada! Nada!
Nada! Nada! Nada! Nada! Nada! Nada!
Nada! Nada! Nada! Nada! Nada! Nada!
Nada! Nada! Nada! Nada! Nada! Nada!
Nada! Nada! Nada! Nada! Nada! Nada!
Nada! Zenada! Zenada! Zenada! Nada!
Nada! Nada! Nada! Nada! Nada! Nada!
Nada! Nada! Nada! Nada! Nada! Nada!
Nada! Nada! Nada! Nada! Nada! Nada!
Nada! Nada! Nada! Nada! Nada! Nada! 
Nada! Nada! Nada! Nada! Nada! Nada!
Nada! Nada! Nada! Nada! Nada! Nada!
Nada! Nada! Nada! Nada! Nada! Nada!
Nada! Nada! Nariz de Palhaço!!! Nada!
Nada! Nada! Nada! Nada! Nada! Nada!
Nada! Nada! Nada! Nada! Nada! Nada!
Nada! Nada! Nada! Nada! Nada! Nada! 
Nada! Nada! Nada! Nada! Nada! Nada! 
Nada! Nada! Nada! Nada! Nada! Nada!
Nada! Nada! Nada! Nada! Nada! Nada!
Nada! Nada! Nada! Nada! Nada! Nada!
Nada! Nada! Nanismo Político!!! Nada!
Nada! Nada! Nada! Nada! Nada! Nada!
Nada! Nada! Nada! Nada! Nada! Nada!
Nada! Nada! Nada! Nada! Nada! Nada!
Nad…

8 DE MARÇO

Ah, se as mulheres...

Soubessem como é bom encontrá-las despenteadas, como ficam provocantes andando descalças pela casa e que não precisam fingir dor de cabeça.

Soubessem que o mais simples vestido em seu corpo se torna deslumbrante, que muita maquiagem esconde a essência e que versões editadas são chatas.

As, se as mulheres...

Soubessem como é hipnotizante vê-las lambendo os dedos após comer algo, como é gostoso apertar aquela carninha sobrando em seu cintura e que o natural também nos comove. 

Soubessem que apenas um sorriso seu é mais valioso que mil DR's de mil horas, como ficam atraentes quando usam um de nossos blusões e que as vezes menos é mais.

Ah, se as mulheres...

Soubessem como são sensuais ao ficarem na pontinha do pé para pegar a lata de ervilha em cima do armário. Soubessem como o perfume que exala diretamente de seus poros nos embriaga. Soubessem que elas por si só já nos fascinam.

Ah, se as mulheres soubessem. 



( Cleydson Ramones )





MINHA PUTA LITERÁRIA

Cada trecho escrito, um gemido
Cada letra no papel, um sussurro

Vontade de ir mais fundo,
até a última linha
De lhe tirar o fôlego, as palavras
De fazê-la provar cada gota da caneta
De usar suas costas feito um papel, 
e assinar o meu nome

Minha
Ela gosta de ouvir - minha
"Repete, por favor" - minha

A escrita relembrando nossas transas
é um momento de suspiro,
de gozo
Uma mão no lápis,
a outra na imaginação
E o seu corpo nu na cama
é como um livro aberto
na minha página favorita

Minha
Quero ouvir a tua voz - "sua"
Repete, gemendo - "sua".



( Cleydson Ramones )